Notícias

Categoria

MARATONA 42 KMS E BETERRABA

Colunistas - 06/set/2019

Suco de beterraba potencializa treino, aumenta força e inibe fadiga muscular

 

Nutricionista Cristiane Perroni fala das propriedades do vegetal, que é excelente fonte de carboidratos para o desempenho esportivo e explica como ele deve ser bem usado

Por Cristiane Perroni Rio de Janeiro

 

A beterraba é um vegetal, uma hortaliça B, consumida como acompanhamento das refeições, cozida ou crua, em sopas, saladas e sucos. Possui propriedades importantes para a saúde como função antioxidante, anti-inflamatória, anti-hipertensiva e hipoglicemiante e ajuda no desempenho esportivo.

É excelente fonte de carboidratos (energética), fibras, ferro, potássio, sódio, magnésio, vitamina C, nitrato (também encontrado em folhas verdes) e o pigmento betaína, que é natural, bioativo e presente no vegetal com função antioxidante e anti-inflamatória. Estudos apontam que este pigmento tem correlação com redução da fadiga muscular e aumento da força.

+ Sete alimentos indispensáveis para turbinar o desempenho nos treinos

O nitrato presente na beterraba é metabolizado no organismo, convertido primeiramente em nitrito e posteriormente em óxido nítrico. O pico de sua concentração no sangue se dá em uma a duas horas após a ingestão. O óxido nítrico provoca relaxamento do músculo liso da camada interna dos vasos sanguíneos, gerando vasodilatação (aumentando o fluxo sanguíneo e diminuindo a pressão arterial) e broncodilatação. Estimula a angiogênese (desenvolvimento de novos vasos sanguíneos nos tecidos), biogênese mitocondrial (nascimento de novas mitocôndrias), captação de glicose e maior sensibilidade por íons de cálcio.

Vale lembrar que as mitocôndrias são organelas presentes nas células que convertem carboidratos, proteínas e lipídeos em ATP – principal fonte de energia na célula. Com o envelhecimento, diminui o número de mitocôndrias.

Estudos recentes vêm demonstrando que o consumo de nitrato, de forma aguda ou crônica, melhora a performance em exercícios de endurance (provas e treinos mais longos) e de força. O atleta com a suplementação de suco de beterraba gasta menos energia para realizar a mesma atividade economizando energia, fica mais resistente à fadiga muscular, melhora a força e o desempenho no exercício.

+ Entenda a diferença entre bebidas isotônicas, repositoras e energéticas

Como utilizar
Muitos estudos utilizam valores de suplementação de 0,1 mmol de nitrato\kg de peso ou 500ml de suco de beterraba ou 200g de beterraba, de uma a duas horas antes do treino. Existem no mercados suplementos em pó e na forma de suco pronto.

Dificuldades para o consumo do suco de beterraba
Beber com regularidade 500ml de suco de beterraba pode não ser uma tarefa fácil, pois o sabor é bem intenso e, como é rico em fibras, é preciso avaliar se haverá alguma alteração intestinal. Outra questão é que não sabemos a quantidade exata de nitrato presente na beterraba, porque isso depende dos fatores climático, entre eles o solo e plantio.

Novos estudos ainda são importantes para determinar as doses e o período de utilização para melhor resposta no desempenho esportivo. É importante lembrar que o uso regular da beterraba na dieta possui excelentes benefícios também para a saúde.

+ Fonte energética, mel pode substituir gel carboidrato em exercícios longos

LEIA MAIS: Aqui

 

Artigos abaixo:

SUCO DE BETERRABA X CORRIDAAqui.

BENEFÍCIO DA BETERRABA: Aqui.

CORRIDA TURBINADA: Aqui.

7 ALIMENTOS RECOMENDADOS PRÁTICA ESPORTIVA: Aqui.

MUITO ALÉM DO MACARRÃO – LONGÕES  MARATONA 42 KMS: Aqui.

 

ATENÇÃO MARATONISTA: Maratona de Curitiba 17 de novembro de 2019, inicia-se segunda feira 09 de setembro, fase de ajuste para que quer correr esta distância, já deve estar em rodagem básica,  já tem atletas sendo treinado pelo treinador José Carlos Varela,  VARELA ESPORTES ASSESSORIA ESPORTIVA – www.varelaesportes.com.br, especialista em MARATONA – INTERESSADO? Entre em contato: Aqui.

 

REPASSANDO, contribuindo com a sociedade.

José Carlos Varela
Professor de Educação Física, Especialista em Treinamento Desportivo e Personalizado. CREF 014099-G/PR

Treinador Federação Paranaense de Atletismo – FPA
Confederação Brasileira Atletismo – CBAt – IAAF Nível 1- registro n.o 1084
Atleta Corredor Maratonista FPA e CBAt registro nr. 2364
34 MARATONAS e 2 SUPERMARATONAS DE 50 KMS ATÉ novembro 2017: Aqui
Proprietário da Varela Esportes Assessoria Esportiva (www.varelaesportes.com.br).
CREF 003410-PJ/PR – CONFEF: Aqui

 

 

Notícias Relacionadas